Em dois passos, crie mais looks sem comprar roupas novas

Você já passou por isso?

Abrir a porta do guarda-roupa pela manhã, já meio apressada e meio atrasada, em busca do que vestir – e parece que não há nada ali. Você pensa que precisa comprar roupas novas, mas – cadê dinheiro sobrando? Nesses tempos, até uma blusinha vira luxo.

Você acaba optando por aquela roupa que “não falha”: um vestido ou o trio blusa + calça jeans + sapatilha de sempre. Você sai de casa mais ou menos feliz com a aparência, mas sempre fica com a impressão de que, se um dia escolher outra combinação, aquela roupa vai sair andando sozinha atrás de você…

Não precisa ser assim, sabia?

Estilo, criatividade, boas compras, looks descolados e versáteis, compras certas e mais identidade na hora de se vestir: Tudo isso está ao alcance de todas as mulheres, sem precisar gastar uma fortuna. Aliás, como eu trabalho com uma perspectiva de moda sustentável, o meu ideal é não gastar nem R$ 1 a mais com compra de roupas.

Nem sempre o gasto zero é possível, mas é o que eu tento com todas as clientes. E, quando se faz necessário, o trabalho consiste em saber como comprar boas peças, que vão durar muito e combinar com muitas coisas no seu guarda-roupa.

O que vou te contar aqui são técnicas que utilizo no meu trabalho como consultora de imagem. Vem comigo, que vou te mostrar.

O segredo está em:

 a)     Sair do piloto automático

Sim, você está ligada no piloto automático – acostumou-se com as suas roupas, com o que já está no seu guarda-roupa e com a forma de combinar essas peças.

Uma das frases que mais ouço como consultora de imagem, nos meus atendimentos de coordenação de looks, é “Nossa, nunca tinha imaginado usar essa peça assim!”.

Claro – eu não estou ligada no piloto automático com as peças das minhas clientes. Estou vendo tudo pela primeira vez, então pra mim tudo é lindo e novo – até mesmo aquela peça que ela já está enjoada de usar. Então, pra mim é fácil propor coisas novas.

Você vai ter que treinar o olhar para fazer esse exercício todos os dias. Mas tem outro segredo:

b)   Desbloquear a criatividade

Assim como “existem mil maneiras de preparar Neston” (risos), há muitas, muitas maneiras de usar uma calça jeans. Ou uma camisa. Ou um vestido, saia, macacão… Algumas peças são mais versáteis que outra, mas acredite em mim: Não há motivo para você usar “aquela calça” apenas com “aquela blusa”.

Um bom caminho para isso é criar um painel de referência – você pode usar o Pinterest para isso, mas também pode copiar imagens em uma página no seu computador ou mesmo recortar imagens de revistas e colar em uma cartolina na porta do seu guarda-roupa, não faz mal.

Pra que? Para estar sempre ampliando seu repertório visual, imaginando formas de usar as roupas que você já tem. Colecione looks que você acha interessante, que você gostaria de usar – e depois tente “recriá-los” ou “adaptá-los” – sem comprar nada. Antes de pensar que é impossível, tente. Você vai ficar surpresa.

 E depois?

Pode ser que, depois de “desligar o piloto automático”, desbloquear a criatividade e passar a fazer combinações mais interessantes com o que já tem no guarda-roupa, você continue sentindo a necessidade de comprar algumas peças - Isso é normal e eu vou fazer posts sobre isso também. Apenas certifique-se de levar para casa peças que vão combinar com as roupas que já têm em casa – esse é um dos segredos da compra inteligente.

Pode ser que você se divirta tanto saindo do “piloto automático” e ampliando suas referências de moda que queira ir além, promovendo uma revolução no seu estilo! Nesse caso, te convido para participar da nossa Consultoria de Estilo em grupo. Clica aqui pra saber mais!